A vida Comunitária Sefaradi no Rio de Janeiro

A comunidade judaica do Rio de Janeiro é a segunda maior comunidade do Brasil, depois de São Paulo. De acordo com a FIERJ, existem aproximadamente 30.000 judeus residentes no Rio de Janeiro.

 

O Rio de Janeiro possui uma grande quantidade de instituições judaicas, incluindo sinagogas, escolas, movimentos juvenis, entidades de beneficência e de assistência social, esportivas e associações culturais, sendo muitas delas de origem dos judeus sefaradis.

 

Os judeus Sefaradis sempre tiveram um papel importante nas diversas instituições judaicas do Brasil, um exemplo foi Isaac Albagli, que, como Presidente da FIERJ, conseguiu que o governo brasileiro emitisse o visto de imigração para todos os judeus expulsos do Egito em 1956, que quisessem vir para o Brasil.

 

A "Federação Israelita do Estado do Rio de Janeiro" (FIERJ), reúne todas as instituições e organizações judaicas no Rio de Janeiro, tanto as Sefaradis, bem como, as Askenazis.

90.jpg
93.jpg
94.jpg
95.jpg
96.jpg
97.jpg
98.jpg
99.jpg
100.jpg
101.jpg
102.jpg